segunda-feira, 26 de abril de 2010

Espoleta no Eixo, ou melhor, no Palco Fora do Eixo


O Palco Fora do Eixo (PFE) é uma frente de artes cênicas integrada ao Circuito Fora do Eixo (CFE), que busca agregar diferentes linguagens artísticas como teatro, dança, malabares e performance ao já concretizado circuito musical, dando início ao processo de integração das artes no CFE.

Recentemente o PFE teve seu lançamento nacional integrando suas ações (espetáculos, workshops e intervenções) no Festival Fora do Eixo que ocorreu em São Paulo durante os dias 09, 10 e 11 de abril. A programação das ações do PFE para seu lançamento foram organizadas pelos coletivos Macondo (Santa Maria/RS), Enxame (Bauru/SP) e Colméia (Araraquara/SP) que, durante três meses, trabalharam intensamente para alcançar visibilidade e destaque em meio a programação musical.

video

Esses três dias de programação do PFE foram divididos em turnos: manhã com workshops; tarde com espetáculos e noite com intervenções em casas noturnas e rua. Os workshops e espetáculos teatrais foram realizados na Oficina Oswald de Andrade, local amplo com grande circulação de pessoas interessadas em cultura e diversidade e que oferece gratuitamente oficinas em diferentes campos artísticos como teatro, dança moda e fotografia.

A concorrência por vagas nessas oficinas é intensa. No dia 10 de abril, quando chegamos para participar do workshop de performance e, posteriormente, apresentarmos o Coquitail Espoleta, fomos surpreendidas por uma fila imensa que iniciou as 9h e só findou as 20h. Aproveitando o grande público, que tenso, aguardava sua senha ser chamada, apresentamos o espetáculo.

Com o público um pouco longe, pois não podiam perder seu lugar, o espetáculo começou. A apresentação conseguiu dissipar o estado de tensão da maioria dos concorrentes que sorrindo sutilmente, divertiam-se com nossa presença. Em meio a bolhas de sabão cristalinas devido à luz que entrava pelo teto de vidro do salão de convivências da Oswald, um rapaz desenhava nossos clowns.

Foi uma apresentação interessante, como até então em locais alternativos, nos quais o público sempre esta ali para fazer outra coisa e nem imagina que Pandoíra e Julieta entraram procurando uma à outra. Acho esse o barato! Surpreender aqueles que esperam por alguma coisa que pode demorar muito a chegar. Nossa presença somada a atenção sincera do público acaba por transformar essa espera em um prazeroso momento construído pela cumplicidade dos olhares.

Confira mais sobre nossa apresentação em SP clicando AQUI.

video

Fotos: Gustavo Diniz

Nenhum comentário:

Postar um comentário